Como é a injeção para impotência sexual

Está atrás de informações sobre a injeção para impotência sexual? Quando deve ser usada, se dói ou tem contraindicação? Então, veio ao lugar certo. Veja isso tudo e muito mais aqui nesse artigo.

Muitos são os tabus em torno de uma das formas de tratar a impotência sexual, que é através de uma aplicação de uma injeção diretamente na base do pênis.

Então, na verdade, o intuito é aplicar Alprostadil, um medicamento para tratar a disfunção erétil.

Embora na fase inicial a aplicação deve ser feita por um médico ou enfermeiro, após um tempo, o próprio paciente já pode se auto aplicar em casa mesmo.

Caverjet ou Prostavasin são alguns nomes desse medicamento, geralmente, vendidos em forma de injeção, mas, felizmente para alguns homens com problemas com isso, hoje já podem ser encontrados em forma de pomada, que também deve ser aplicada diretamente no pênis.

Por ser um vasodilatador, Alprostadil ajuda a dilatar o pênis, aumentando e prolongando a ereção, consequentemente, ajudando a tratar a disfunção erétil.

Para quem é indicada a injeção para impotência sexual

Então, custando entre 50 a 70 reais, o Alprostadil é indicado para tratar a disfunção erétil de origem neurológica, vascular, psicogênica ou mista, sendo aplicado, geralmente, por meio de uma injeção localizada.

A injeção deve ser usada, no máximo, 3 vezes por semana, obedecendo um intervalo, mínimo, de 24 horas, e  a ereção deverá acontecer após 5 a 20 minutos da injeção.

Mas é bom deixar claro aqui para as pessoas que não querem usar essa injeção, que existem estilante naturais como o titan grow que funciona muito bem para melhorar a ereção e retardar a ejaculação.

Efeitos Colaterais e Contraindicações de Alprostadil

Quanto aos possíveis efeitos colaterais, a injeção pode provocar, após sua aplicação, uma leve dor no pênis, pequenos hematomas ou equimose, ereção prolongada, que pode até durar entre 4 a 6 horas, fibrose e rompimento dos vasos sanguíneos do pênis, podendo provocar sangramento e espasmos musculares.

A injeção não é indicada para pacientes com hipersensibilidade a alprostadil ou qualquer outro componente, pessoas com priapismo, pacientes com deformações no pênis, anemia falciforme, mieloma ou leucemia.

Enfim, esse recurso só deve ser utilizado com total supervisão de um profissional capacitado.

Como usar a injeção

Atenção, como dito acima, Alprostadil só deve ser usado sob indicação e supervisão médica, e a sua frequência deve ser definida pelo médico responsável, embora, geralmente, a dose utilizada seja de 1,25 e 2,50 mcg com dose média de 20 mcg e dose máxima de 60 mcg.

O medicamento é administrado através de uma injeção aplicada diretamente no pênis, nos corpos cavernosos, mas a injeção não deve ser dada próximo de veias, evitando o risco de sangramento.

Lembrando que as primeiras injeções devem, ser aplicadas por um médico ou enfermeiro, só depois de um certo tempo, definido pelo médico, o paciente poderá se autoaplicar em casa mesmo, sem qualquer dificuldade.

O medicamento, em pó, precisa ser preparado antes de ser aplicado, sendo fundamental voltar ao médico, a cada 3 meses, para um acompanhamento e uma avaliação da situação.

O preparo:

O preparo é simples, bastando seguir esses passos:

  • Aspirar com uma seringa o liquido da embalagem, que contém 1ml de água para injetáveis;
  • Misturar o liquido no frasco que contêm o pó;
  • Encher a seringa com o medicamento e aplicar diretamente no pênis com uma agulha 3/8 a meia polegada de calibre entre 27 e 30.

Atenção, na hora da aplicação, o paciente deve estar sentado, com as costas apoiadas, então deve aplicar a injeção no pênis, com cuidado, evitando locais machucados ou com hematomas.

Como armazenar Alprostadil

É fundamental que seja obedecida a forma correta de armazenamento, assim, é preciso deixar o medicamento conservado na geladeira, entre 2 e 8°C, dessa forma, protegido da luz. Mas cuidado, ele nunca deve ser congelado.

E atenção, após preparar a solução, a mesma pode ser armazenada, em temperatura ambiente, sempre inferior a 25°C, por no máximo 24 horas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *